Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Refletindo Sobre o dilema da Asafe no salmo73 e o meu dilema atual. Parte III.


Salmos 73-2. Quanto a mim, os meus pés quase que se desviaram; pouco faltou para que escorregassem os meus passos.
No primeiro verso Asafe, discorreu sobre a bondade de Deus em ralação aos seus eleitos e faz uma afirmativo categórica, Deus e bom para com Israel,à predestinação de salvos e perdidos e aqui afirmada sem nem um medo ou receio,do que possa pensar a Criatura finita.

Neste verso o salmista, começa a demonstração de seus conflitos interiores em relação à prosperidade e longevidade, dos ímpios,
Mas trata-se de uma questão de fórum o intimo teve uma experiência mística negativa qual o cristão que diante de injustiças e maldades não se sente no dever de se auto questionar?
Deus nos deu a livre agência exatamente para isto. 
Deus não se magoa ou se irrita quando questionado sobre certas coisas que nos afligem alguns profetas questionaram seus momentos Jeremias, Isaias Abaiuque e outros perguntaram,
 Reclamaram como fez Ezequiel em cap. 4-14 Então me disse: Ah! Senhor DEUS! Eis que a minha alma não foi contaminada, pois desde a minha mocidade até agora, nunca comi daquilo que morrer de si mesmo, ou que é despedaçado por feras; nem carne abominável entrou na minha boca.

Vamos agora fazer uma análise do versículo dois que está em apreço aqui três coisas se destacam vejamos um. Até onde um crente pode cair?
2. Até onde ele não cairá. 3. Quais temores são e quais não são permissíveis? Na verdade o verso. 2. E um retrospecto de nossas escorregadelas; prospectos de perigo futuro; preparação no presente para isso.

Se prestarmos bastante atenção o salmista declara sua quase queda de 2-14 é este verso dois compara uma vida de obediência com o ato de andar numa vereda o caminho apertado (PV 1-9). Aqui Asafe descreve a Sua dúvida e sua Incredulidade como ato de escorregar de uma vereda, Aqui vemos que a vida dos santos é mais do está fundamentada em coisas materiais o Cristão deve está firmado em Cristo como seu Bem absoluto.

Estamos sempre à beira de escorregar em situações, problemas dificuldades lutas é tribulações estamos enfrentando tempos difíceis onde o mundo nos rodeia com ódio por nosso senhor e por nos o evangélico- fobia e uma realidade que muitos teimam em não querer ver, contudo seguido a idéia de um suposto crescimento dos evangélicos no Brasil os lideres evangélicos tem negligenciado o cuidado das ovelhas de Deus.

Para divertir os bodes do diabo muito bons e oportunos a serie de ultimato sobre orgulho é culpa estamos sentido orgulho de nossa culpa pela não evangelização eficaz do mundo por conta de nossos pecados, Ultimato traduz o que muitos de nos estamos sentindo, que DEUS tenha piedade de nos e nos ajude a voltar para o caminho.

 O salmista diz que seus pés quase resvalaram que ele quase caiu, mas este verso e uma reflexão que vai até o verso 14 onde ele conclui seu pensamento, mas analisaremos as partes depois e preciso que saibamos que Deus não falha deixar um justo cair por causa da prosperidade do ímpio seria uma falha.

Devemos entender que se trata de uma reflexão pessoal do salmista é que não implica em uma doutrina de que se nos observamos às coisas e situações a nossa volta então há uma possibilidade de queda, mas se estivermos formados em Cristo nada e nem ninguém nos derrubará.

Soli Deo Gloria. 

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Refletindo sobre o Natal com seus paradoxos e contradições.


Isaías 9:6-Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.
Tudo bem que Belém não fosse o melhor lugar do mundo, não tivesse o glamour de uma Paris, o charme de Londres, as flores de Amsterdã nem tão pouco poder comercial de New York e graças a Deus não tinha a corrupção de Brasília, mas quem estava nascendo lá não era de maneira nenhuma, um pobrezinho ou um coitadinho.

Quem estava nascendo, era o rei dos Reis e Senhor dos Senhores,   
Apocalipse 17:14-Estes combaterão contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá, porque é o Senhor dos Senhores e o Rei dos Reis; vencerão os que estão com Ele, chamados, e eleitos, e fiéis. Primeira grande contradição é chamar de pobrezinho, um camarada que tem seu nascimento anunciado por anjos, que tem uma estrela conduzida ao seu encontro pessoas ilustres é com os presentes mais caros da época.

Segunda contradição o bom velhinho toma o lugar do aniversariante, tenho visto nas diversas mensagens  proporcionais, os seguintes fatos: “o Natal chegou que papai Noel traga saúde, paz e prosperidade para todos, estes são pré rogativas de Deus e não de homem, seja Ele quem for dito está: Isaías 53:5- Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. 


È possível concordar com: “Há dois Natais acontecendo em todo ano, no mesmo mês... Um é o natal de Jesus, filho de Deus, Outro é o natal de um Papai que não vem do céu, e que só tem duração num dia, e logo se vai, O Natal de Jesus é uma festa de vida e alegria, que vem da alma e do trono de Deus, onde todos comemoramos a sua vinda ao mundo, O Noel, que chamam de Papai, que dá presentes pra crianças, diz ho ho e tem duendes, mas que ironia, tão bonzinho, só funciona neste dia.... mas no outro... onde está Ele? Eu lhe digo... nas lojas de consumo.... fazendo você gastar... pois hoje virou propriedade de consumo para comprar.

Jesus Cristo este sim é o verdadeiro sentido do natal Ele, não é mais menino de Belém nem o crucificado de Jerusalém está vivo nos céus e intercede a destra de Deus, e o mais importante Ele vai voltar para buscar o seu povo, a questão é você se reconhece pecador? Você já pediu a Jesus Cristo que nasça em seu coração e seja Senhor de sua vida.
Este é, pois o real sentido e significado do natal onde podemos encontrar Cristo? Não é nos mitos e credencies religiosa, mas na Bíblia, única e verdadeira palavra de Deus.
Soli Deo Gloria.       

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Refletindo Sobre Neo-Pós-Modernidade a era das doenças mentais Parte III.

Os que mataram Manuelzinho dos Remédios vejam os links abaixo
 http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u78455.shtml

II Crônicas 13:7- E ajuntaram-se a ele homens vadios, filhos de Belial; e fortificaram-se contra Roboão, filho de Salomão, sendo Roboão ainda jovem, e terno de coração, e não lhes podia resistir. Quando se produz uma serie de artigos numerados sobre um tema especifico, e preciso ter o cuidado e a prudência de não chover no molhado, no artigo II desta serie nos enviamos uma mensagem a um grupinho de doentes http://www.pernambuco.com/diario/2003/07/14/urbana4_0.html mentais psicopatas e loucos que nos 


http://www.itapuamafm.com.br/v1/index.php?option=com_content&view=article&id=29:ex-policial-e-assassinado-em-ouricuri&catid=3:noticias&Itemid=
http://www4.tce.pe.gov.br/internet/index.php?option=com_content&view=article&id=248:tribunal-rejeita-contas-das-camaras-de-ouricuri-e-tupanatinga


http://www.mp.pe.gov.br/index.pl/20072802_ouricuri
perseguem há algum tempo.


OS que são Pagos para Fazer o serviço sujo de UIB SOMAR
Bem nesta vamos falar sobre a psicopatia como derivada da loucura e lógico que loucura aqui assume sentido, e não o da patologia que só um psiquiatra poderia atestar, mas a loucura a que me refiro está mais associada ao narcisismo que é em resumo uma patologia grave, que atinge normalmente psicopatas dotados de alguma coisa, física ou intelectual. 
Vamos pegar ai uma definição de narcisismo “Narcisismo descreve a característica de personalidade de paixão por si mesmo. A palavra é derivada da Mitologia Grega. Narciso era um jovem e belo rapaz que rejeitou a ninfa Eco, que desesperadamente o desejava. Como punição, foi amaldiçoada de forma a apaixonar-se incontrolavelmente por sua própria imagem refletida na água. Incapaz de levar a termos sua paixão” veja mais em http://pt.wikipedia.org/wiki/Narcisismo.
Richaado Somar 

 Psicopatia realmente e algo perigoso vejam gente como Jeroboão o maldito que fez errar a Israel, Genghis Khan, Alexandre o Grande, Sandam Russeim, Napoleão Bonaparte,  Mobutu Sese Sek e Adolf Hittler Richaardo Somar  etc. Todos doentes mentais com a ilusão que poderiam subjugar tudo e todos a suas vontades e este ultimo e tão débil que acha que seus Crimes serão escondidos até da Justiça Divina porque segundo ele “deus somos nos as pessoas aqui embaixo”.

 

Mas a “"A pior das loucuras é, sem dúvida, pretender ser sensato num mundo de doidos. " (Erasmo de Rotterdam) já Jean-Jacques Rousseau diz

 "O homem nasce livre, e em toda parte é posto a ferros . Quem se julga o senhor dos outros não deixa de ser tão escravo quanto eles." Vejamos o que diz  João Calvino  A fé não consiste na ignorância, senão no conhecimento; e este conhecimento há de se não somente de Deus, senão também de sua divina vontade.”

O servo de Deus e Bíblia, contra os Bullying ´s 

As loucuras de mente doente de achar que a mentira vai durar para sempre é que todo mundo se vende ou se rende as ameaças e uma características, de todo psicopata narcisista então  o prefeito psicopata ,filho do assassino de Manuelzinho dos  Remédios,Simonal e Elizangela,que pensa poder manobrar a margem  da lei por ter muito dinheiro,diga-se de passagem sujo de sangue.

   



O dinheiro tem o poder ou força de causar o narcisismo, Caio Fabio está certo ao chamar isto de sendo  de Lúcifer,todo psicopata e sociopata e portador  desta sindro-me  mas Deus ainda perdoa pecadores,a Morte de Cristo para satisfação da justiça divina foi em substituição do pecador que se encontrava morto em seus delitos e pecados assim Deus vem a Cruz para reconciliar consigo o mundo.Deus é fiel a si mesmo como supremo criador de tudo.
Foi, e é dele a decisão  de salvar os pecadores por ele eleitos,para isto vejamos Efésios 2-8-10. Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;  Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.
 Soli Deo Gloria. 

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Refletindo sobre o dilema de Asafe no Salmo 73. E o meu dilema pessoal- parte II.


  Salmos 73 -1 VERDADEIRAMENTE bom é Deus para com Israel, para com os limpos de coração.Muitas têm sido as discutições sobre a autoria de Asafe, foi realmente o autor dos salmos que levam seu nome?, alguns até afirma que David escreveu e Asafe cantou, não acredito, porque  2 Crônicas 29-30 não nos permite uma posição diferente e isto é consubstanciado em Ne 12.46, não sei deva dizer que curiosamente, ou providencialmente este salmo é idêntico ao salmo 73 no que concerne ao tema.


O tema destes dois salmos e a prosperidade dos ímpios e o sofrimento dos justos, este salmo é o primeiro do terceiro livro na divisão dos Judeus, no versículo primeiro há dois pontos importantes a serem destacados, o primeiro é a bondade de Deus, o segundo é que esta bondade está  ligada diretamente a Israel,a igreja da primeira aliança.
A bondade de Deus não é uma ação, ato ou atitude distinto do ser de Deus e suas perfeições, Deus é bom porque a bondade  Dele é Ele mesmo em Si, a bondade é um de Seus atributos comunicáveis, mas devemos entender,que  em Deus a bondade é isenta de quaisquer limitações ou circunstâncias insufladoras.

No caso das criaturas morais, anjos e homens a bondade é limitada, a vontade de Deus que a derivou e as limitações de tempo, espaço e circunstâncias, mas na essência o único ser realmente  Bom no  universo infinofinto é o próprio Deus,  pensemos da seguinte forma, Deus é bom, os homens  tem atitudes boas e fazem boas obras,  porque no estado de pecado as nossas justiças são como trapo de imundice, logo não se pode confiar, que o homem seja bom, pois não há um justo se quer todos pecaram e destituídos estão da gloria de Deus.

A cruz foi um ato supremo da bondade de Deus, que como diz São Paulo em II Coríntios 5:19 Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação. Isto é bondade levada a extremo, Deus é bom isto é algo que a mente finita não pode conter, porque se Deus é bom, então como explicar o mal?Como entendermos o sofrimento dos justos? Estas questões tem intrigado filósofos e pensadores de todos os tempos e épocas.

O que é o mal frente à bondade de Deus? na minha perspectiva teológica o mal e só outra versão da bondade do supremamente Deus, mas isto é uma questão de minha teologia sistemática e que não vou discutir aqui, então pensemos em dois fatores justo combinados, primeiro, Deus é bom e o mal faz parte do seu projeto de governo universal.

Agora, vamos pensar na bondade de Deus em relação direta com Seu povo, no verso, o salmista diz:” com efeito bom é Deus para com Israel”, ele não diz que Deus é bom para o mundo ou para todas as nações e aqui vamos entender o porquê de certas questões relativas ao mal serem tão difíceis de compreender, mas Deus é Bom ao extremo para com seu povo e não com todos os seres do universo.    
                 

Toda a forma de bondade de Deus experimentada no mundo e em conseqüência da bondade do Senhor; para com sua igreja o mundo vislumbra atos de bondade,quando o sol nasce quando chove, em tudo o que é descrito como na maioria dos salmos.
Israel foi o povo escolhido por Deus em Abraão, a escolha de Deus de forma sistemática para formar a nação, que foi a Igreja em seu primeiro estágio, nunca houve um tempo em que a Igreja de Deus não estivesse sobre a terra, ela e o culminar da bondade de Deus na transformação de seres humanos pecadores, em filhos queridos.
Deus é bom para com a Sua Igreja e dentro dela os eleitos limpos de coração aqui, tem haver com a eleição e o fato de Jesus ter satisfeito a justiça de Deus na cruz e limpado os corações de Seu povo, como bem diz o texto de Mateus: salvou o seu povo dos pecados deles, se usarmos Efésios 1- 4: Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor.

Soli Deo Gloria.       

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Refletindo sobre o dilema de Asafe no Salmo 73. E o meu dilema pessoal parte I.


Normalmente eu começaria com um versículo, mas como se trata de uma reflexão sobre o dilema do autor do salmo então vai colocar o salmo em destaque e ai nos refletirá sobre cada texto dos Salmos 73 -1-28. neste primeiro momento queiro apenas que vocês leiam e meditem neste salmo,depois de ler e meditar anotem tudo o que acharem  importante, feito isto nos vamos refletir no verso primeiro.

 VERDADEIRAMENTE bom é Deus para com Israel, para com os limpos de coração.  Quanto a mim, os meus pés quase que se desviaram; pouco faltou para que escorregassem os meus passos. Pois eu tinha inveja dos néscios, quando via a prosperidade dos ímpios. Porque não há apertos na sua morte, mas firme está a sua força. Não se acham em trabalhos como outros homens, nem são afligidos como outros homens. Por isso a soberba os cerca como um colar; vestem-se de violência como de adorno.  Os olhos deles estão inchados de gordura; eles têm mais do que o coração podia desejar.

São corrompidos e tratam maliciosamente de opressão; falam arrogantemente.
 Põem as suas bocas contra os céus, e as suas línguas andam pela terra.
 Por isso o povo dele volta aqui, e águas de copo cheio se lhes espremem.
 E eles dizem: Como o sabe Deus? Há conhecimento no Altíssimo?
 Eis que estes são ímpios, e prosperam no mundo; aumentam em riquezas.
 Na verdade que em vão tenho purificado o meu coração; e lavei as minhas mãos na inocência.

 Pois todo o dia tenho sido afligido, e castigado cada manhã.
Se eu dissesse: Falarei assim; eis que ofenderia a geração de teus filhos.
 Quando pensava em entender isto, foi para mim muito doloroso;
Até que entrei no santuário de Deus; então entendi eu o fim deles.
 Certamente tu os puseste em lugares escorregadios; tu os lanças em destruição. Como caem na desolação, quase num momento! Ficam totalmente consumidos de terrores.

 Como um sonho, quando se acorda, assim, ó Senhor, quando acordares, desprezarás a aparência deles. Assim o meu coração se azedou, e sinto picadas nos meus rins. Assim me embruteci, e nada sabia; fiquei como um animal perante ti. Todavia estou de contínuo contigo; tu me sustentaste pela minha mão direita.  Guiar-me-ás com o teu conselho, e depois me receberás na glória. Quem tem eu no céu senão a ti? e na terra não há quem eu deseje além de ti.


A minha carne e o meu coração desfalecem; mas Deus é a fortaleza do meu coração, e a minha porção para sempre. Pois eis que os que se alongam de ti, perecerão; tu tens destruído todos aqueles que se desviam de ti.  Mas para mim, bom é aproximar-me de Deus; pus a minha confiança no Senhor DEUS, para anunciar todas as tuas obras.

Soli Deo Gloria. 

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Refletindo sobre o uso da coisa pública e o bem do cidadão comum.


Isaías 10:11 Ai dos que decretam leis injustas, e dos escrivães que prescrevem opressão.
Moro em Araripina-PE a pouco menos de um ano, neste tempo já precisei do Hospital  Público por  duas vezes,devo dizer que em ambas  fui  bem tratado e atendido com o respeito que todo cidadão trabalhador merece,não a choque  tenha haver com o fato de trabalhar  em uma empresa de comunicação, porque vi outras pessoas sendo bem tratadas, atendidas com respeito e rapidez. 

Nesta véspera da Primeira Marcha de Araripina contra as drogas,provida pelo Sistema Grande Serra de Comunicação, órgão onde trabalho;e final da ocupação da Rocinha e Alemão-RJ  por forças do poder  público instituído pelo voto  do povo, eu venho refletir sobre o uso da coisa pública e o bem do cidadão comum.

Uma definição particular  de coisa pública seria mais ou menos assim:  coisa pública é tudo aquilo que pertence ao povo de uma nação soberana e democrática de ato e direito, sendo gerida pelos poderes representativos do povo ,” Todo o poder emana do povo e para o povo”  mas gosto da definição dada por :    http://quiosque.aeiou.pt/gen.pl?mode=thread&fokey=ae.stories/4791&va=5456&p=stories&op=view
O Cidadão comum entendido como aquele que não tem meios, recursos ou instrumentos para se fazer ouvir ou reivindicar seus direitos,que carece do bom desempenho de órgãos como Procon,OAB, Imprensa etc. Este cidadão está cada vez mais exigente e consciente de seu poder de botar e tirar políticos no poder.

Não se pede que ninguém seja santo e faça milagres, o que se quer de políticos eleitos para cumprirem seus mandatos é que a coisa do povo seja administrada e não roubada,desviada,surrupiada, etc; mas voltando a marcha contra as drogas,que gestor público não ficaria feliz em ter uma  iniciativa destas em sua cidade ? Aqueles que direta ou indiretamente tem envolvimento com o tráfico e os traficantes que ajudam a manter seu governo.

Um líder que rejeita cuidar da saúde de seus jovens e adolescentes não devia está no poder ,mas os psicopatas tem grande capacidade de enganar e manipular a opinião pública, com isto acabam se apoderando do que não lhes pertence e para manter  isto, se preciso, matam e ameaçam seus desafetos.
O  bem  estar do cidadão e da sociedade é o direito de todos e um dever do estado, as invasões bem sucedidas da rosinha e do Vidigal mostram que quando se quer fazer as coisas funcionarem direito neste pais, se consegue mesmo,espero que o MEC queira realmente concertar o falido e fracassado Enem.
Adicionar legenda

No mais, vamos a luta, ano que vem eles nos buscarão, olhemos seus resultados, seu desempenho e o mais importante, ficha limpa neles.
Soli Deo Gloria.     
          

domingo, 6 de novembro de 2011

Refletindo sobre: MEC pai ou mãe do Enem, uma Instituição fracassada e imoral para Educação Brasileira!


Jeremias 32:33- E viraram-me as costas, e não o rosto; ainda que eu os ensinava, madrugando e ensinando-os, contudo eles não deram ouvidos, para receberem o ensino.

A minha vida toda estudei sempre em escolas públicas,  nunca tive os privilégios de estudar nas boas escolas particulares de minha cidade, mas isto nunca me impediu de lutar pelos meus objetivos, fiz três vestibulares, o primeiro foi em uma Universidade privada, cismei que queria ser administrador de empresas; o segundo foi na Univasf, o terceiro na Ufrpe, passei no primeiro, mas não tinha dinheiro para pagar as caras mensalidades do curso aí nunca pisei lá.


No segundo fiz uma péssima prova, por vários motivos, era ano eleitoral eu estava envolvido na coordenação de campanha de meu vereador; no terceiro passei, estou cursando até hoje, o curso que escolhi,foi algo da providencia Divina, eu nunca pensei em fazer uma licenciatura em computação, nem na modalidade (ead), que diga-se de passagem não fica devendo nada a nenhuma outra modalidade, mas o curso dos meus objetivos além de meu Bacharelado em teologia, ainda não está ao meu alcance.


Quando o Enem surgiu, pensei que agora estaria mais próximo de realizar meu objetivo, mas nas duas vezes que fiz a prova do Enem fiquei intrigado com algumas coisas, mas não são delas que quero falar e sim sobre a falência do Enem, digo que o Enem pelos escândalos que já são muitos, não é uma instituição confiável.
Esta última edição que participei e paras minhas condições e idade foi muito bem, é uma demonstração do fracasso do MEC em solucionar problemas, não é possível para qualquer pessoa racional achar que se a prova vazou no Ceará, não tenha vazado no resto do Brasil.
Para o Ministério da Educação, anular a prova no Brasil todo é impossível, mas se isto não for feito, como poderemos algum dia na vida confiar que qualquer prova do MEC seja séria, honesta e de resultados indiscutíveis? .

Como bem diz a Professora Eva Oliveira, Diretora da WEJ consultoria: “A nós cabe fazer nossa parte como educador e educando” os vestibulares da WEJ que ocorrerão no próximo dia 27 de novembro para cursos como Serviço Social, Administração, Teologia, Gestão Hospitalar e Educação física, são hoje mais confiáveis do que Mec.
Faço pedagogia na WEJ e digo vale apena investir em algo confiável e de credibilidade, coisas que o Enem está, ou melhor, deixou de ter, há algum tempo, caso queira saber mais sobre a wej vá ao site: http://www.wejconsultoria.com.br e confira o que dissemos.
A educação Brasileira como já disse vem colhendo fracasso após fracasso em seus índices, também com uma previsão de 7 a 10 do PIB, como esperar resultados melhores? Bem, acho que o Enem é uma instituição falida, o melhor é voltar a fazer seu próprio vestibular, ou adotarmos o sistema de notas para que o aluno saia do ensino Médio, vá direto para a Universidade, basta somar suas medias desde a pré- escola até seu último ano do Ensino Médio, soma, dar uma média geral que deve ser no mínimo sete, no contrario estuda mais um ano.


Bem, temos de pensar soluções como disse em minha redação do Enem: a vida em rede, ainda é a vida em sociedade e todos tem direitos, deveres e responsabilidades, uma de nossas responsabilidades é pensar alternativas para problemas que nos afetam, como a todos os Brasileiros e os fracassos do MEC, realmente tem sido um desastre para o Brasil e os Brasileiros.                         
 Soli Deo Gloria. 

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Refletindo sobre o Mundo e seus sete bilhões de habitantes.


 Efésios 2:19 Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus.
A notícia  que ganha corpo hoje no mundo é a de que chegamos ao sétimo bilhão de habitantes no mundo, isto nos leva a pensar em  uma série de questões, como as fraudes do aquecimento global, buraco da camada de ozônio, escassez de alimentos etc. mas o que realmente nos importa aqui é a ação Cristã em termos evangelísticos no mundo neo-pós-moderno.
                          
A necessidade de redistribuição da renda mundial como forma de combater a crescente onda de desigualdades existentes no mundo hoje dia, em que oficialmente chegamos ao sete bilhões de habitantes no planeta,o Record demográfico está nas palavras de John Stott  “ um chamado a ação evangelizadora mais com compromisso de ação social” .

O secretario geral da ONU (Organização das Nações Unidas ), diz que é um dia triste porque” muitas pessoas gozam de luxuosos estilos de vida, enquanto outros vivem na pobreza; Ban Kin-moon  tem razão ao expressar tal preocupação mas para nós a questão é mais séria ainda, a Igreja do terceiro milênio olha muito para os Céus mas esquece do mundo aqui embaixo, a evangelização mundial está estagnada e relegada a umas poucas Igrejas e juntas de missões.

 Como diria, o operoso ex Senador Piauiense  Mão Santa: “ Atentai bem e vede” pois é, devemos ficar atentos aos fatos; exemplo: nos últimos 60 anos a expectativa de vida do ser humano era de 48 anos agora é de 68 anos na média mundial,isto teve haver com a diminuição da taxa de fecundidade, redução da mortandade infantil, equilíbrio da taxa de natalidade que era de seis á 8  filhos por mulher agora é só de 2 filhos por família, a China ainda mantém seu rígido controle de natalidade e só um filho por família.

África por outro lado ainda tem o índice mais alto do planeta em termos de natalidade e mortalidade infantil, para se ter uma idéia ainda é de cinco o número médio de filhos das mulheres Africanas,desta forma pode-se realmente acreditar que em 2050 a população mundial seja mesmo os temidos 15 bilhões de habitantes.

Aí já entram em cena as questões como  o que será feito com o lixo produzido? como criar e manter postos de trabalho? o que fazer para pelo menos diminuir a pobreza dos países africanos? mas estas questões ainda são as de cunho puramente sociológico e político, as questões mais teológicas são as que realmente devem perturbar a Igreja, o numero de tragédias será cada vez maior, as pessoas estarão sempre em busca de respostas rápidas e consoladoras.


Como deverá se comportar uma denominação como a IPB? Acredito como disse em minha monografia de ordenação, que não foi entregue, porque não fui examinado e nem ordenado, a Igreja deve manter em alta a sua história e principalmente seus credos e confissões, reafirmar a sua confissão de Fé e seus catecismos será uma maneira de se manter confiável em  um mundo onde as desconfianças em relação as Igrejas tende a crescer e isto principalmente devido ao mau exemplo dado por conversões de conveniência, isto é o que chamamos de inchaço.

A história das instituições será o diferencial para estes tempos, hoje aos 494 da revolução protestante, poucas são as denominação que tem alguma relação séria com este evento, portanto a evangelização racional do mundo passa pela única teologia que responde aos anseios do mundo sem prejuízo da doutrina e dos costumes realmente Bíblicos, o Calvinismo será  a doutrina de maior ascensão no Brasil nos próximos 10 anos se Jesus não Voltar.
Soli Deo Gloria.                                         
    
    \\\

sábado, 29 de outubro de 2011

Refletindo Sobre o ser pai na era neo-pós-moderna.


 Gênesis 26:18 - E tornou Isaque e cavou os poços de água que cavaram nos dias de Abraão seu pai, e que os filisteus entulharam depois da morte de Abraão, e chamou-os pelos nomes que os chamara seu pai.

A figura paterna dos dias anteriores a neo-pósmodernidade era de um autoritário, ausente e muita vez violenta, mas trocar frauda brincar se emocionar com as conquistas de nossos filhos são características, dos pais desta época de contrastes e inovações.
Brincar, trocar frauda dar banho, ir com ele ao pediatra, participar, das festinhas infantis, dar comida e botar para dormir, estas  são coisas que só as mães sabiam e podiam fazer, hoje nos pais  fazemos com prazer e alegria a casos em que nos saímos melhores do que elas.
E verdade não carregamos  o filho por nove meses no ventre não sentimos os seus primeiros chutinhos, não vimos suas primeiras risadinhas, ainda no ventre materno, não fomos nos que sentimos as terríveis e aterradoras dores de parto, mas cá para nos hoje devemos pouco as mães.



Hoje pesquisas indicam que 89% dos pais abandonaram os modelos tradicionais, para ter maior participação, na vida dos filhos estarem presente e ter participação mais efetiva na vida dos filhos e uma exigência da agenda nossa de cada dia.
Para nos não basta levar na escola queremos ir às reuniões e festinhas, queremos saber quem é de onde e a tia que fica com eles na sala de aula, os pais de filhos adolescentes, além disto, eles vão aos jogos e festas de pijamas etc.
Mas e verdade que nosso comportamento, mudou, mas mudou também o mundo a nossa volta precisamos ser vigilantes, com violência urbana, jogos digitais, pornô-somia, pornografia, pedofilia, um surto psicopatas, que estão infiltrados, nas igrejas, nas escolas etc.
Neste ultimo caso tem ganhado corpo a discussão sobre as punições para o crime de pedofilia, como já disse em postagem anterior, me tapo de nojo de pedófilos e acho que a pena de morte qualitativa deveria ser implantada, no Brasil para este e outros tipos de crime.


Até 1960 era patriarcal em que o poder girava em torno da economia, paterna o que isentava os pais de relações afetivas com e para os filhos, pois demonstrar afetividade era decerto de mostrar fragilidade, por outro lado as mulheres eram sobre carregadas com as atividades domesticas e a educação dos filhos.
Ao pai cabia apenas da às ordens e impor a disciplina que muitas vezes chegava ao espancamento, dos anos de 1970 a 2000 houve uma mudança radical os homens começam a se dedicar mais aos filhos.
As mulheres sobre ao advento, do ultra feminismo e pelas mudanças nas conjunturas econômicas começam a trabalhar fora de casa, esta mudança se deve as redefinições dos papeis sociais de homens e mulheres, na sociedade dos dias de hoje.

Como escreveu o salmista nos Salmos 127:3-Eis que os filhos são herança do SENHOR, e o fruto do ventre o seu galardão. Com as mulheres mais contextualizadas, no ambiente de trabalho externo, e o homem tendo de trabalhar para reforçarem, o orçamento domestico os filhos muitas vezes ficam vulneráveis, a perigos como babas criminosas e uso excessivo, de TV e vídeo- game.

A importância do pai se torna cada vez mais necessária, o pai tem um papel de fundamental, importância na vida de seus filhos e em seu desenvolvimento há casos em que um divorcia necessário e preciso deve ser prolongado ou adiado para o bem da criança.

Já está comprovado que a ausência da figura paterna trás conseqüências psicológicas, para a criança desta forma porque a figura paterna tem importância, no desenvolvimento cognitivo, emocional e social de uma criança pode se disser que esta relação fortalece o caráter do homem.

Finalmente como pai tem aprendido que a presença da figura paterna permite ao filho tomar iniciativas e com elas aprender a distinguir entre o certo e o errado, meu filho Yohannes tem apenas, mas já mexe muito no PC tenho observado que quando ele faz alguma coisa da qual sabe que não vou gostar então ele já vai me encontrar na porta dizendo “vá PA lá, vá PA lá”.


Então sempre pergunto de forma pedagógica e didática o que você, fez de errado? Então vou lá e sempre tem algo a ser corrigido nada demais, no entanto uso isto para ensinar-lhe outras lições a afinal não sei até quando Deus vai nos permitir ficar junto. Provérbios 17:6A coroa dos velhos são os filhos dos filhos; e a glória dos filhos são seus pais.


Soli De Gloria